domingo, 24 de outubro de 2010

Outono





Nunca me farto do Outono.... Adoro o frio, as primeiras chuvas.... Já alguma vez repararam como o verde da Natureza fica mais bonito debaixo de um céu cinzento?

Adoro ver as folhas a cair das arvores. Tantas cores... Sinto-me uma criança. Só me apetece correr pela rua e rebolar no meio delas. Em que idade paramos de fazer isso? Em que idade paramos de chapinhar nas poças de água, brincar à chuva...

Tenho saudades desses tempos.... Desses momentos em que todos os problemas desapareciam.

Quando nos tornámos.... Complicados??

Gosto de fazer anos no Outono. Gosto das abóboras, das castanhas, da noite das bruxas...

Mas tenho saudades....

Faço 23 anos dis 28 de Outubro e só penso... Será que já fiz algo de importante da minha vida? Quem sou eu afinal? Alguém com um emprego normal, em que finge ser o que não é para evoluir, a rapariga insegura que não se sente bem com o seu corpo? A filha que não consegue deixar o pai orgulhoso?

Quando era nova e brincava no meio das folhas, não era assim que me imaginava. Quando somos novos podemos ser tudo não é? Quando somos grandes somos apenas..... Desilusões... Desilusões que lutam para sobreviver e adaptar-se...

Tenho saudades de brincar com as folhas.... E de me esquecer de que vou ter de voltar para uma familia em que não pertenço, para quem eu amo mas que estou a perder aos poucos, para um emprego inseguro...

Sim...... Tenho saudades daqueles Outonos....

3 comentários:

Laura Ribeiro disse...

Também amo o Outono. As cores ficam mais vívidas, mais belas, o ar mais misterioso. Não é frio do inverno nem o calor escaldante e incômodo do verão. É a minha estação preferida, em que tudo fca mais belo e desperta as melhores ideias para escrever ou qualquer outra coisa. Acho que dentro de nós ainda está guardada aquela criança que fomos um dia, então não tenha vergonha de brincar numa poça d'água quando tiver vontade. Não deixe que o tempo dite as regras. Renasça a doçura infantil que há dentro de ti... Todos temos. Só precisamos encontrá-la e ter audácia suficiente para usá-la.

Abraço,
Laura Ribeiro.

http://docetortura.blogspot.com

katitah*=) disse...

pra alguns o outono é triste... mas para ti nao...

espero k um dia orgulhes o teu pai, com algo que tu tanto amas e desejas fzer... tens o meu apoio... até lá, brinca... com as folhas e cm a agua..pode ser k estas te tragam mais felicidade....
beijos... boa sorte..
e nao fiques triste... tudo se resolve, nem que seja com o frio...

katitah*=) disse...

onde andas amiga??? tenho precisado tanto de ti... dos teus conselhos....:( preciso de alguem que me compreenda.... que nao tenha desistido de mim...como eu ja desisti... ouve me por favor...ajuda me.... volta por favor...