segunda-feira, 22 de junho de 2009

O fim de Dolly, por Beautiful Disaster

Broken Doll Pictures, Images and Photos

Bem, este texto foi escrito em resposta ao meu "Desafio Dolly". Embora a minha ideia original fosse, quem estivesse interessado dar-me um tópico e eu escrever um texto de desenvolvimento, o Beautiful Disaster decidiu contemplar-me com um pouco do seu talento, escrevendo ele próprio um final ao qual decidi não mudar nem uma virgula. A quem não conhece, recomendo vivamente o seu blog, onde podemos encontrar textos de uma sinceridade tão angustiante que roçam a genialidade. Muito obrigado Beautiful Disaster.

Apesar das palavras do ursinho azul serem doces e na prespectiva de dolly lhe pareçerem genuinas e sinceras, cada vez ele passava mais tempo com a sua nova amiga, a bonequinha de colecção, e cada vez menos tempo com dolly... As horas passavam tao devagarinho para dolly, quando é que ele vinha ter com ela? demora-se tanto... dantes nunca tinha sentido esta ansiedade toda, matava-a. Ás vezes chorava sozinha ate á hora em que o seu querido ursinho azul apareçia, aí secava as lagrimas e aproveitava cada segundo, mas ele parecia cada vez mais distante. Dolly nao podia perde-lo, nao iria aguentar, ele era a unica coisa que ainda a fazia sentir...ainda a fazia sentir viva. Dolly achou que se nao podia ter a sua atençao toda, podia ao menos tentar integrar-se com ele e a sua nova amiga, uma ultima tentativa... Avistou-os, la estavam eles, e o ursinho azul murmurava as mesmas palavras doces que em tempos tinha dito a dolly, apesar do aperto no coraçao dolly foi ter com eles, o ursinho mostrou-se surpreendido e apenas se riu com a sua bonequinha de colecçao fingindo que nao sabia quem dolly era, com um olhar atonito, dolly riu-se com eles, sem perçeber que ambos se riam dela. O ursinho saturado de dolly levou-a para um sitio escuro e disse-lhe "vai-te embora, ninguem podia saber de nos, lembras-te?" Dolly começa a chorar, nao fazia intençao disso, mas as lagrimas saem pelos seus olhos negros contra a vontade dela. "Eu amo-te, volta para mim, quero voltar a ter o que tinha, eu faço tudo! juro-te que passo a ser como quiseres! eu posso mudar!" Mas dolly nao podia mudar, foi criada assim... diferente. "Ela tem o seu proprio bonequinho, tu proprio o disseste!", a dor apertava mais e as linhas pareciam querer romper "nos vamos resolver isso, nao te diz respeito dolly" diz o ursinho azul. E sem mais uma palavra abandona-a, pela sombra de onde se encontrava dolly podia notar como o ursinho azul, o seu unico amor, agia como nada aconteçesse com a sua querida boneca perfeita e imaculada. Quem a encontrou nao muito longe dali no dia seguinte foram os seus colegas que a tinha renegado antes, as linhas rebentaram e o que preenchia dolly por dentro transbordava agora por fora, era um algodao incrivelmente fofo ao toque, transparente e bonito... quem diria que algo tao simples feito de pano pudesse conter algo tao lindo dentro?

Fico à espera de mais sujestões para o final de Dolly...

11 comentários:

Beautiful Disaster disse...

Muitissimo obrigado pelos teus elogios e pela recomendação feita ao meu blogue!!! =D. Vindos de uma pessoa que teve o talento e a inspiração para criar esta boneca Dolly acredita que significam imenso para mim! Obrigado por pores o meu final no teu blogue, espero que seja do teu agrado e de todos os leitores que seguem este teu espaço :). Continua a surpreender-nos e a despertar emoções em nos com a tua escrita pois acredita que foi esse o efeito que teve em mim.
Abraços

♠J. کchmid♠ disse...

Gostei do conto, adoraria que Dolly fugisse para outro mundo longe do sofrimento q ela passa e encontrasse alguem que fosse assim como ela.
Blog Man in the Box

Beautiful Disaster disse...

Continua a deliciar-nos com as tuas historias, tens aqui um fã ansioso :).

Anjo vermelho disse...

O conto é muito doce e meigo apesar do final triste e lamentavel existemuitos possiveis finais .. mais quem sabe um outro ursinho a aparecer para ela preenchendo o vazio que o outro deixará.
beijos..

Supernatural disse...

Um final opa..
ah não sei si devo dizer ..já eu que escrevo historias de assasinos e etc e tal vejo um final mais tenebroso pra essa historia mais pra que desmanchar a doçura do conto.?!
si kiser o final que eu pensei .. me fale que eu te mando.

abraços.

katitah*=) disse...

mt giro mesmo...
um texto muito sensivel...que nos deixa a pensar... no meu caso iria perguntar ao ursinho, se ele tinha esquecido tudo o k passaram, pois isso nao se esquece de qualquer maneira.. é triste... lol..
de facto o algodao é lindoh... mas mais lindo é o amor de dolly pelo seu ursinho, que por ele ate mudaria, mas que nao é possivel..
bjs.. continua..XD...

Luciana disse...

Obrigada pela visita e por ser seguidora adoro filmes de terror e suspense.Bjs

Äмbзr Gïrℓ ⅞ disse...

na verdade quero surpreender-me com o fim.

prefiro não opinar e esperar.

bjão.

Blog Suicide Virgin

Dark Angel disse...

Obrigada pela visita volte sempre.

Bjs

Ana Campos disse...

A Dolly tem que aprender a ser feliz, com o que tem.
Tem que saber virar as costas a quem não merece, e continuar a viver e o futuro logo lhe trará bons frutos.
A Dolly tem que aprender a VIVER.

:)

Michely disse...

oiiiiiiiiiii
virei sua seguidora
quando puder vira o meu...
http://fimescinep.blogspot.com/
vlw
parabéns pelo blog